Motores de Busca

Motores de Busca são a principal razão da existência do Search Engine Optimization. Mas o que são na realidade e como funcionam?

O que são motores de busca?

Um motor de busca online é qualquer site ou página, que permita uma pesquisa por texto e apresente site ou conteúdos referenciados para essa pesquisa. Parece um pouco vago, mas se pensarmos em motores de Busca como o Google, passarmos para outros como o Youtube e Google Maps, percebemos o quão vasto pode ser o significado de motor de busca.

De uma forma mais simplista, um motor de busca é um portal onde os utilizadores escrevem as suas necessidades e obtém resultados de página ou conteúdos para responder a essa necessidade. 

Faça já o Download Grátis do nosso eBook de SEO sobre motores de Busca

 

O que fazem os motores de busca?

Os motores de busca têm duas funções principais: O Crawling e indexação, e a apresentação de uma Resposta a através de uma lista ordenada de sites com mais relevância para a pesquisa feita.

Crawling e indexação

Os motores de busca processam e criam indices (Indexs) de todos os documentos, páginas, arquivos, notícia, vídeos e mídia na World Wide Web.

Respostas

Através desta indexação, conseguem depois determinar a relevância de cada página, com base nos conteúdos da mesma, para dar responder à pesquisa feita pelo utilizador.

Motores de busca externos

Indexam resultados de domínios externos ao do próprio motor de busca, organizando-os em ranking.

Google | Bing | Yahoo | etc

Motores de busca internos

Indexam resultados de páginas que se encontram sob o seu próprio domínio, organizando-as em ranking.

Google +  | Youtube| Portais | etc

Quer descobrir como podemos optimizar o seu site para motores de busca? Fale connosco!

Os campos marcados com * são necessários

(optional)

(optional)

Please, let us know any particular things to check and the best time to contact you by phone (if provided).

Entender Motores de busca

Exercício de compreensão:

Os motores de busca analisam as páginas em formato de código e são desprovidos de compreensão do texto. Por isso imagine as a dificuldade de conseguir listar/recomendar, sites com conteúdo para uma pesquisa, quando não se compreende efectivamente o conteúdo.

Ou seja, enquanto nós humanos lemos palavras, ou interpretamos códigos para criar um significado, um motor de busca processa código para criar um ranking de sites para um utilizador que lhe dê um código (palavra, questão) para pesquisar.

Por exemplo, para alguém que pesquise pela palavra “Oficinas automóvel Low-cost”, ambos os conteúdos em baixo têm a mesma importância para aparecer no ranking.

- Joaquim e filhos, Lda oficinas automóvel low-cost perto de si. Marque já um check-up gratuito.

- aksjjxbs e akjks, askas oficinas automóvel low-cost ashjh ashjhj. Qsqusuhs qsujs qwsjn-sws sjss.

E é por isso que para contornar esta incapacidade de interpretação, alguns motores de busca, como a Google,evoluem constantemente com critérios que sirvam de sinais para a qualidade do conteúdo. Tais como:

Recomendações de outros sites (Links) | Interacções com utilizadores (Social media e reviews) | Cross-reference com outras plataformas (Maps, Directórios, Videos) | Experiência de utilizador (Arquitectura do site, Adaptação mobile, Estrutura dos conteúdos)

É a todo o mecanismo de filtragem e classificação que se dá o nome de algoritmo.

O que representa para o SEO?

É por isso que as próprias metodologias de Search Engine Optimization (SEO), estão em constante evolução. Porque os SEO managers e Gurus de Marketing Digital, querem aproveitar todas as oportunidades para ficarem acima da concorrência, pois o retorno por estar nos lugares cimeiros, compensa largamente todo o investimento feito.